Investigações

Suspeito de participar de homicídio de agente penitenciário é preso no Sertão

Ele foi localizado pela equipe Malhas da Lei, da Polícia Militar

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 15/08/2019 às 10:42
NOTÍCIA
Reprodução de vídeo
FOTO: Reprodução de vídeo
Leitura:

Um homem suspeito de participar do homicídio contra o agente penitenciário Charles de Souza Santos, em janeiro de 2017 em Afogados da Ingazeira, no Sertão de Pernambuco, foi preso nessa quarta-feira (14) em Petrolina, também no Sertão.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe Malhas da Lei recebeu informações do serviço de inteligência e conseguiu cumprir o mandado de prisão que estava aberto contra ele. Na casa do suspeito, foram encontradas drogas e um simulacro de arma de fogo. Ele foi levado para a Delegacia de Plantão de Ouro Preto.

Relembre o caso

O agente penitenciário Charles de Souza morreu após ser agredido durante um evento de motociclistas no dia 21 de janeiro de 2017. Ele estava na fila do banheiro quando uma iniciou-se uma discussão.

Um vídeo registrou o momento em que os motoqueiros iniciaram o espancamento e foram seguidos por outros. O agente estava com uma arma no bolso, que teria disparado durante a confusão e acertado a perna dele. Entre os suspeitos estava o delegado Renato Gayão.

As agressões só cessaram quando o grupo percebeu que a vítima estava inconsciente. Os suspeitos fugiram do local sem prestar socorro. Charles de Souza foi levado para o Hospital de Afogados da Ingazeira e transferido para uma unidade de saúde de Serra Talhada, mas não resistiu e faleceu no dia 24 daquele mês.

Mais Lidas