Abastecimento

Moradores de Caruaru passarão mais tempo sem água

Crise hídrica seria influenciada pela falta de chuvas na região das barragens

Levi Xavier
Levi Xavier
Publicado em 21/08/2019 às 17:43
NOTÍCIA
Divulgação/Compesa
FOTO: Divulgação/Compesa
Leitura:

A pouca chuva durante o inverno na Barragem de Tabocas, situada na zona rural de Caruaru, Agreste do estado, fez o reservatório de água entrar em estado de pré-colapso com 0,98% de sua capacidade. Ela é responsável pelo abastecimento do município de Santa Cruz do Capibaribe, no agreste. Essa situação levou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) a recorrer ao Sistema Prata-Pirangi para abastecer a cidade.

Rodizio de abastecimento

Após o crise hídrica da barragem, Caruaru passa a ter cinco dias com água e 15 sem. Antes, o abastecimento era cinco dias com e dez sem. Já nas localidades de Contendas, Juriti, Rafael, Cachoeira Seca, Juá, Lajes, Jacaré Grande, Malhada de Barreira Queimada, Gonçalves Ferreira e Jacaré de Gonçalves Ferreira, na zona rural do município, o fornecimento será suspenso e o atendimento será feito por meio de carros-pipa. As distribuições serão feitas em pontos estratégicos.

Compesa reforça que a modificação no abastecimento é provisória, e no primeiro semestre do próximo ano serão finalizadas duas obras hídricas estruturadoras: as adutoras do Alto Capibaribe - uma obra interestadual, uma das poucas do país com grandes extensões, dividindo dois estados diferentes, Pernambuco e Paraíba. Mais de 40% das tubulações já foram assentadas.

 Serro Azul -  Obra do Governo do Estado com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), ainda será composta por quatro estações elevatórias e um reservatório com capacidade para acumular 4,5 mil metros cúbicos de água. 51% das tubulações foram assentadas. Segundo a companhia, cerca de 1 milhão de pessoas serão beneficiadas. Essas represas serão abastecidas pela Transposição do Rio São Francisco e vão levar água para 16 cidades do Agreste, entre elas, Caruaru e Santa Cruz do Capibaribe.

 Confira o calendário

 

Mais Lidas