menu

Moradores denunciam má distribuição de água em São Bento do Una

Estamos há 10 anos sem receber água da Compesa, diz avicultor

Moradores denunciam má distribuição de água em São Bento do Una, no agreste
Moradores denunciam má distribuição de água em São Bento do Una, no agreste (Reprodução/O Povo na TV/ TV Jornal Interior )

A população da cidade de São Bento do Una, no agreste de Pernambuco, tem reclamado sobre a má distribuição de água por parte da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa).

Segundo o músico do município Gilberto Maciel, a cidade é mal atendida pela Compesa. "Onde eu moro no loteamento João Paulo II, a gente só tem água a cada quatro meses. Às vezes temos que dividir um caminhão pipa com o vizinho, que às vezes custa R$ 200 reais", disse.

A situação também atingiu avicultores da cidade que, hoje é conhecida pela grande quantidade de granjas. O município é o maior produtor de ovos do nordeste. E, de acordo com um avicultor local, há cerca de 10 anos não chega água fornecida pela Companhia nas granjas da cidade.

Até a publicação desta matéria a Compesa não havia se pronunciado sobre o caso com a TV Jornal Interior.

Confira na reportagem do 'O Povo na TV' programa da TV Jornal Interior

 

Moradores denunciam má distribuição de água em São Bento do Una

Povo na TV
  • 03/09/2019 17:21
A população da cidade de São Bento do Una, no agreste de Pernambuco, tem reclamado sobre a má distribuição de água por parte da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). 3 minutos e 10 segundos