Política

Após deixar o PSB, Miguel Coelho diz que se filiará ao MDB

Prefeito de Petrolina está sem filiação partidária desde abril deste ano

Levi Xavier
Levi Xavier
Publicado em 14/10/2019 às 17:41
NOTÍCIA
Foto: JC Imagem
FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, afirmou que vai se filiar ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB) após deixar o Partido Social Brasileiro (PSB), em abril deste ano. O anúncio aconteceu em entrevista ao JC Online. Segundo ele, a filiação deve acontecer ainda este mês, em Brasília e, depois um ato em Petrolina.

Ainda de acordo com prefeito de Petrolina, a escolha se deu pela história do partido e para fortalecer a oposição.

Refazendo o caminho do pai

O pai de Miguel, o senador Fernando Bezerra Coelho (FBC) se filiou ao MDB após sair do PSB em 2017. Atualmente FBC é líder do governo Bolsonaro no Senado Federal.

Neste ano, Miguel Coelho entregou uma carta de desfiliação da legenda ao presidente do PSB, Carlos Siqueira. Ele passou sete anos na sigla.

Em um trecho da carta, o prefeito disse que nos últimos anos percebeu que o conceito que tem da política, infelizmente diverge da pregada pelo PSB, embora respeite.

Mais Lidas