menu

Idosa morre após explosão de gás no agreste pernambucano

Corpo de vítima teve queimaduras que atingiram mais de 50% do corpo

Idosa morreu após botijão de gás explodir em Tupanatinga
Idosa morreu após botijão de gás explodir em Tupanatinga (Google Street View)

Uma idosa de 72 anos morreu após uma explosão de gás dentro da casa dela em Tupanatinga, no agreste de Pernambuco, nessa terça-feira (15). A explosão teria ocorrido após o vazamento de um botijão de gás. As queimaduras atingiram mais de 50% do corpo da idosa.

O marido da vítima tentou conter o vazamento na cozinha, quando a idosa acendeu um fogo de carvão. O gás que estava acumulado na residência acabou causando a explosão. O homem teve queimaduras nas pernas e foi levado para o Hospital Regional de Arcoverde, no sertão do estado.

A mulher também foi levada para o Hospital de Arcoverde, mas foi transferida em seguida para o Hospital da Restauração (HR), no Recife. Ela não resistiu aos ferimentos e faleceu. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) do Recife.

A cozinha da residência ficou completamente destruída e teve vários eletrodomésticos danificados por causa da explosão.