menu

Prefeitos de São José e Tamandaré explicam tentativas de conter manchas de óleo

Pel Lajes e Sérgio Hacker cederam entrevista à Rádio Jornal Caruaru

Voluntários trabalham para retirar óleo da Praia dos Carneiros, em Tamandaré
Voluntários trabalham para retirar óleo da Praia dos Carneiros, em Tamandaré (Bruno Campos/JC Imagem)

As manchas de óleo estão começando a atingir o litoral do estado de Pernambuco. Os municípios São José da Coroa Grande e Tamandaré foram os primeiros a receber as machas de petróleo que se espalham pelo litoral nordestino. Em entrevista à Rádio Jornal Caruaru, os prefeitos Pel Lajes e Sérgio Hacker falaram sobre o problema que atinge praias dos municípios.

Pel Lajes (PEN), prefeito de São José da Coroa Grande, disse que estava sendo feito um trabalho de prevenção desde a terça-feira (15) e, por isso, os prejuízos não foram maiores. "Estava sendo feito um trabalho de prevenção, colocando barreiras. Estamos resolvendo quase todo o problema. Com os voluntários e os fuzileiros navais a área está quase toda limpa. Estamos aguardando um retorno do Governo Federal em relação ao prejuízo", destacou.

Em relação ao prejuízo para o turismo, o prefeito lamenta que as agências de viagens tiveram reservas canceladas. "O prejuízo é incalculável. Cerca de 70% do município sobrevive da pesca e do turismo, os dois pontos principais mais prejudicados", completa. "O pior é que nós não temos uma resposta concreta dos órgãos federais e isso nos deixa preocupados", finaliza Pel Lajes.

Sérgio Hacker (PSB), prefeito de Tamandaré, cidade atingida pelas manchas nesta sexta-feira (18), também conversou com a Rádio Jornal Caruaru e disse que a gestão estava praticamente prevendo a chegada do óleo. "Montamos um gabinete de crise, convocamos a população para se voluntariar. Quando tivemos a notícia de que o óleo atingiu Tamandaré no início desta manhã, entramos em ação com toda a equipe e já estamos realizando a limpeza".

O prefeito também aproveitou a oportunidade para tranquilizar a população: "Cerca de um terço do que foi atingido foi limpo. A situação é preocupante, mas estamos sob controle porque conseguimos acionar rápido a equipe e a população também se dispôs a ajudar".

Para ele, a expectativa é que tudo seja limpo até esse sábado (19). Após a limpeza, serão realizados testes para poder liberar as praias para o banho.

Ouça a entrevista completa: