menu

Mulher descobre câncer de mama após parto da filha

Ela precisou parar a amamentação por causa do tratamento com quimioterapia

Claudenice Oliveira, 43 anos, descobriu câncer após o parto da filha caçula
Claudenice Oliveira, 43 anos, descobriu câncer após o parto da filha caçula (Reprodução/TV Jornal Interior)

Foi após o parto da terceira filha, há um ano e três meses, que Claudenice Oliveira, 43 anos, recebeu uma notícia nada agradável: estava com câncer de mama. Por causa da doença, ela precisou parar de amamentar no segundo mês de vida da bebê para começar a quimioterapia. Além disto, o relacionamento com o pai da criança acabou e ela precisou cuidar das três crianças e tratar a doença sozinha.

"A médica foi estimular o meu peito para ela mamar e no momento ela percebeu que tinha alguma coisa diferente, meu peito estava muito duro e recolhido, e não esticava. Ela achou muito estranho e perguntou o que estava sentindo, eu disse que não sentia nada", relembrou. Pouco tempo depois, ela fez os exames de ultrassom e mamografia e descobriu o tumor.

Claudenice conta as horas para o término do tratamento, que está próximo. Nos últimos meses, viu os cabelos, os pelos da face e os dentes caírem. Além disto, precisou retirar uma das mamas. "Foi a pior fase da minha vida", afirmou. Ela acredita que a doença mudou a vida dela: "A gente sabe mais aproveitar, hoje eu estou aproveitando mais, porque pode ser a última vez".

Mesmo tratando de uma doença tão agressiva, a preocupação dela é nos filhos, que mesmo pequenos dão os remédios a ela todos os dias. "Eu penso muito neles e eu não quero desistir jamais. Eu não vejo a hora de terminar para me libertar e libertar meus filhos desse peso que está sendo para eles cuidar da irmãzinha deles e de mim", disse Claudenice.

Mulher descobre câncer de mama após parto da filha

  • 29/10/2019 19:12
Foi após o parto da terceira filha, há um ano e três meses, que Claudenice Oliveira, 43 anos, recebeu uma notícia nada agradável: estava com câncer de mama. Por causa da doença, ela precisou parar de amamentar no segundo mês de vida da bebê para começar a quimioterapia. Além disto, o relacionamento com o pai da criança acabou e ela precisou cuidar das três crianças e tratar a doença sozinha. 4 minutos e 58 segundos