menu

Flanelinha é levado para a delegacia após maus tratos contra cadela

Ele vai responder a um termo circunstanciado de ocorrência

Cadela foi entregue a uma instituição que cuida de animais
Cadela foi entregue a uma instituição que cuida de animais (Reprodução/TV Jornal Interior)

Um flanelinha de 25 anos foi levado para a Delegacia de Plantão de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, suspeito de praticar maus tratos contra uma cadela no Sítio Cipó, na zona rural, durante o fim de semana.

O suspeito aparece em um vídeo segurando o animal e um pedaço de madeira. Algumas pessoas que viram as imagens chegaram a achar que o cão estava morto.

De acordo com o delegado Ighor Nogueira, o homem vai responder a um termo circunstanciado de ocorrência (TCO), já que trata-se de um crime de menor potencial ofensivo.

"Desde o início ele se mostrou muito arrependido pelo que fez, consciente de ter errado. Disse que passou dois dias bebendo, acabou embriagado e que o animal estava doente e acabou levando o animal para longe de sua casa", relatou o delegado.

Ainda de acordo com Nogueira, o suspeito conversou com representantes de grupos protetores de animais e se comprometeu a não repetir o erro. A cadela foi doada a um instituto que cuida de animais e passará por tratamento.

Delegado fala sobre suspeito de maus tratos em Caruaru

  • 18/11/2019 14:51
Um flanelinha de 25 anos foi levado para a Delegacia de Plantão de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, suspeito de praticar maus tratos contra uma cadela no Sítio Cipó, na zona rural, durante o fim de semana. Veja o que disse o delegado Ighor Nogueira sobre o caso. 40 segundos