Denúncia

Mães relatam demora na entrega do cartão Leva Especial de seus filhos em Caruaru

Elas foram informadas que precisam esperar 15 dias para recadastrar o cartão

Pedro Hierro
Pedro Hierro
Publicado em 19/11/2019 às 16:47
NOTÍCIA
Reprodução/Tv Jornal Interior
FOTO: Reprodução/Tv Jornal Interior
Leitura:

O Leva Especial está em fase de renovação em Caruaru, Agreste de Pernambuco. No entanto, algumas mães relatam que ao tentar renovar o cartão dos seus filhos, são informadas que vão receber o cartão em um prazo de 15 dias. Elas estranharam a situação porque geralmente o Leva Especial é recebido no mesmo momento que era solicitado.

A dona de casa Maria Euriela é uma das mães que tentou renovar o cartão. “A gente chegava e pedia a renovação e saía na hora, e agora estamos encontrando esta dificuldade, a dificuldade é o prazo que está muito longo. Pediram que a gente tivesse compreensão, nós compreendemos, mas eles entendem nosso lado e cumprem o prazo de 15 dias? Não cumprem”, relatou.

O cartão Leva Especial precisa ser renovado anualmente e deve ser entregue a pessoas com deficiência física, sensorial ou mental. Também recebem pessoas de baixa renda portadoras de câncer, vírus HIV, anemias congênitas e coagulatórias congênitas, desde que as pessoas estejam em tratamento em um dos hospitais públicos de Caruaru e mediante declaração fornecida pelo médico responsável pelo seu tratamento.

O diretor institucional da Associação das Empresas de Transportes de Passageiros de Caruaru (AETPC), Ricardo Henrique explica o motivo do prazo. “Foi estabelecido por meio de uma comissão dentro da AEPTC para que fosse analisado todos os cartões de gratuidade do município de Caruaru. E nesse período de análise, é necessário termos alguns dias para vermos as documentações, é importante destacarmos que esse prazo pode ir até 15 dias e o objetivo é dar celeridade a sair esse cartão o mais rápido possível para as pessoas”, informou.

 Confira a matéria do Povo na TV

Mais Lidas