menu

Mulher que foi morta a facadas por adolescente é sepultada em Altinho

Familiares e amigos se despediram de Maria Margarida Barros

Mulher que foi morta a facadas em Altinho é sepultada
Mulher que foi morta a facadas em Altinho é sepultada (Reprodução/TV Jornal Interior)

Foi sepultada na manhã dessa quarta-feira (27) Maria Margarida Barros, de 50 anos, que foi morta a facadas na madrugada dessa terça-feira (26) na cidade de Altinho, no Agreste pernambucano. Segundo informações da polícia, ela teria sido morta a golpes de faca por uma adolescente de 15 anos que teria entrado na casa dela pulando o muro.

Margarida Barros era muito conhecida em Altinho e todos foram se despedir dela durante o enterro. Recentemente, ela havia vencido a luta contra o câncer de mama, mas foi vítima da violência dentro da própria residência.

No enterro, alguns familiares da vítima desmaiaram e algumas pessoas estavam revoltadas com o crime. "É uma revolta grande aqui em Altinho. Ninguém esperava o que aconteceu", lamenta Ailton Silva, vizinho da vítima. A filha de Margarida, que hoje é psicóloga, afirma que vai ter a mãe na memória como um exemplo de vida. "Minha mãe representa garra e força. Ela sempre teve uma vida difícil", diz Morgana Barros, filha da mulher.

Um dos sobrinhos de Margarida, que tentou defender a tia das agressões foi ferido. A criança de 12 anos foi socorrida e já recebeu alta da unidade hospitalar. A adolescente suspeita de cometer o crime foi ouvida na delegacia e seguirá nesta quarta-feira (27) para o internamento no Recife após determinação do juizado da infância de Caruaru, também no Agreste do estado.

Mulher que foi morta a facadas por adolescente é sepultada em Altinho

  • 27/11/2019 14:52
Foi sepultada na manhã dessa quarta-feira (27) Maria Margarina Barros, de 50 anos, que foi morta a facadas na madrugada dessa terça-feira (26) na cidade de Altinho, no Agreste pernambucano. Segundo informações da polícia, ela teria sido morta a golpes de faca por uma adolescente de 15 anos que teria entrado na casa dela pulando o muro.

Adolescente apreendida

De acordo com o promotor de Justiça Diogo Vital, não é possível dar muitos detalhes sobre o caso, porque o processo corre sob segredo de Justiça. "O que a gente pode falar é que o Ministério Público já recebeu o auto de apreensão da adolescente e neste momento realizou a representação, e inaugurou-se o processo, que vai seguir os trâmites legais. Ao final, se for julgada procedente a pretensão ministerial, vai ser aplicada a medida socioeducativa mais adequada ao caso", explicou.

Promotor de Justiça fala sobre caso de mulher assassinada em Altinho

  • 27/11/2019 15:06
A adolescente suspeita de matar uma mulher em Altinho, no Agreste de Pernambuco, foi apreendida. De acordo com o promotor de Justiça Diogo Vital, não é possível dar muitos detalhes sobre o caso, porque o processo corre sob segredo de Justiça.