menu

Psicólogo é suspeito de agredir ex-esposa e atirar em dois funcionários de hotel no Recife

Crime aconteceu no bairro de Boa Viagem

Psicólogo é suspeito de agredir ex-esposa e atirar em funcionários de hotel no Recife
Psicólogo é suspeito de agredir ex-esposa e atirar em funcionários de hotel no Recife (Divulgação/Polícia Civil/JC Online)

Um psicólogo de 35 anos é suspeito atirar em duas pessoas após agredir a ex-companheira dele na noite dessa terça-feira (3), em um hotel no bairro de Boa Viagem, no Recife.

Segundo a polícia, eles estavam separados há dez dias e vieram para Recife com a mãe do psicólogo para uma consulta médica para o filho deles de quatro meses de idade. Ainda de acordo com a polícia, o homem consumia bebida alcoólica, o que desagradou a mulher, que subiu para o quarto onde estavam hospedados. O homem e a mãe também subiram.

Segundo a polícia, a mulher começou a ser agredida pelo ex-companheiro e também pela ex-sogra. Dois funcionários do hotel perceberam as agressões e foram até o quarto onde o homem e a ex-companheira estavam hospedados para tentar impedir as agressões, mas acabaram sendo baleados pelo suspeito, que sacou uma arma de fogo e atirou contra eles.

Vítimas

As vítimas foram levadas para o Hospital da Restauração e estão estáveis. Ainda segundo a polícia, o psicólogo ainda teria tentado atirar contra um terceiro funcionário do hotel. Ao sair do local, o homem teria roubado um carro e tentou atirar contra as duas pessoas presentes no automóvel, mas não conseguiu. Ele fugiu e ainda não foi localizado pela polícia.

A Polícia Civil está investigando o caso. Em nota, a polícia disse que a mulher vítima das agressões foi levada para a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher.