Prisão

Suspeito de matar PM e vigilante em Gravatá é preso em Bezerros

Crimes ocorreram em 27 de julho e 25 de junho deste ano

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 06/12/2019 às 11:27
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal
FOTO: Reprodução/TV Jornal
Leitura:

Um dos suspeitos de matar um vigilante e um cabo da Polícia Militar (PM) em Gravatá, no Agreste pernambucano, foi preso no início da manhã desta sexta-feira (6) em Bezerros, também no Agreste do estado. Um dos crimes ocorreu no dia 27 de julho em Gravatá. Além disso, o suspeito estaria envolvido em uma tentativa de latrocínio contra um policial civil no dia 25 de junho às margens da BR-232, em Encruzilhada de São João.

Com o suspeito, a companheira dele e o comparsa, a polícia apreendeu duas armas, munições, vários celulares, duas balanças de precisão e três porções de maconha.

O homem é suspeito de envolvimento em um latrocínio que vitimou um vigilante que passava pelo local e o cabo militar José Teófilo dos Santos, de 38 anos, que morreu dias depois no Hospital da Restauração, no Recife. Ele também teria envolvimento em uma tentativa de latrocínio contra o policial civil Roberto Mendes Marques, de 32 anos, que foi abordado às margens da BR-232, em Encruzilhada de São João. Ele teria sido baleado por suspeitos mesmo após entregar a pistola.

Os detidos foram autuados em flagrante na delegacia de Polícia Civil de Bezerros e passarão por audiência de custódia.

Mais Lidas