Denúncia

Bebê teria sido vítima de negligência na Casa de Saúde Bom Jesus

Mãe da criança disse que uma profissional teria aplicado medicamento de forma errada, o que teria machucado bebê

Ana Maria Miranda
Ana Maria Miranda
Publicado em 12/12/2019 às 7:23
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

Uma bebê recém-nascida, de 11 dias, teria sido vítima de negligência na Casa de Saúde Bom Jesus, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A mãe da criança denunciou que uma profissional teria aplicado um medicamento de forma errada, o que teria machucado o braço da bebê.

A mulher deu entrada na unidade de saúde no dia 30 de novembro para dar à luz. Após quatro dias, ela foi informada de que a criança estava com uma infecção e que era preciso colocar um acesso no braço para administrar a medicação. No último domingo, ela percebeu que havia algo errado quando identificou um abscesso no braço da filha.

"Eu vim passar a tarde com ela, quando eu cheguei ela estava desesperada, dizendo que a menina dela não parava de chorar. Eu disse: 'Mas por quê?' Ela disse: 'por conta de uma enfermeira que entrou no sábado, toda vez que ela aplica, a menina cai no choro e fica roxa'", contou a acompanhante da mãe da criança. Em entrevista à TV Jornal Interior, a mãe disse que chegou a pedir que a enfermeira não aplicasse mais o remédio, porém, ela teria continuado aplicando.

O secretário executivo da Atenção Especializada, Breno Feitoza, disse que um inquérito administrativo será aberto para apurar o caso e que os profissionais que fizeram o atendimento serão afastados durante o período. "Estamos avaliando o prontuário dessa criança, estamos avaliando cronologicamente quando ela deu entrada, quem foram os profissionais que prestaram assistência a ela e que administraram medicações desde o momento do internamento até hoje para poder identificar qual foi o dia que ocorreu a possível negligência e tomar as medidas cabíveis", explicou.

Mais Lidas