menu

Dinheiro do empréstimo devia ser para obras transformadoras, diz Zé Queiroz

Declaração foi dada pelo deputado em entrevista a Rádio Jornal Caruaru

Ex-prefeito de Caruaru, José Queiroz
Ex-prefeito de Caruaru, José Queiroz (Acervo/ JC Imagem)

O deputado estadual e ex-prefeito de Caruaru, José Queiroz, falou sobre a política da cidade e eleições na manhã desta sexta-feira (20) em entrevista para a Rádio Jornal Caruaru.

Durante a conversa, o deputado falou sobre as emendas que colocou para Caruaru. Foram citadas algumas principais como o Núcleo de Apoio à Vida de Caruaru, Construção da Unidade do Colégio Militar de Caruaru, Campus da Universidade de Pernambuco (UPE) e a Clínica de Fisioterapia do Hospital Regional do Agreste (HRA).

José Queiroz relembrou as eleições para prefeitura de Caruaru em 2016 e disse que Raquel Lyra, prefeita da cidade, não quis a colaboração dele para a gestão. "Traição deslavada, ingratidão", desabafa o deputado.

O deputado ainda teceu críticas à Via Parque e afirmou que o projeto foi um "quebra calçada e faz calçada". De acordo com o deputado, uma obra de valor de empréstimo tão alto para o município não deveria ser isso. "[O investimento] deveria ser para obras transformadoras, obras de infraestrutura que mexam com a vida das pessoas", afirmou na entrevista.

Em relação ao Comércio na Praça, que faz parte de um projeto de requalificação do centro da cidade, Zé Queiroz demonstrou desaprovação e diz que não tiraria os camelôs da rua. "São dois camelódromos com um nome diferente. Eu não tiraria os camelôs da rua. Eu não tirei os camelôs da rua", ressaltou.

Ouça a entrevista completa: