MPT

Lavanderia é alvo de ação civil pública em Toritama

Processo é resultado da força tarefa realizada nos dias 10 e 12 de dezembro

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 20/12/2019 às 17:59
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

O Ministério Público do Trabalho (MPT) deu entrada em uma ação civil pública contra uma lavanderia de Toritama, no Agreste de Pernambuco. O processo é resultado da força tarefa realizada nos dias 10 e 12 de dezembro, que investigou 34 empreendimentos do polo têxtil do Estado.

As investigações encontraram nove infrações. Entre os problemas mais graves está o risco de acidentes no funcionamento da caldeira, que tem trabalhado com pressão acima do limite, o que pode ocasionar uma explosão.

Também foram identificadas falhas no operador, falta de sinalização e identificação dos equipamentos, banheiros em más condições, máquinas sem proteção e não uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs).

A procuradora solicitou à Justiça que a empresa paralise as atividades até que o espaço seja adequado às regras de segurança e saúde no trabalho. Também foi pedida a indenização de dano moral coletivo no valor de R$ 90 mil, calculada com base nos 18 trabalhadores afetados pelos problemas.

Mais Lidas