Trânsito

Operação Fim de Ano reforça fiscalização nas rodovias de Pernambuco

Especialista dá dicas de segurança, principalmente para quem vai viajar

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 24/12/2019 às 17:34
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

A fiscalização nas rodovias de Pernambuco foi reforçada esta semana dentro da operação "Fim de Ano" da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A ação terá como principal objetivo a redução de acidentes graves, que podem resultar em feridos graves ou mortos, além do enfrentamento ao crime.

A primeira etapa da operação acontece até esta quarta-feira (25), dia de Natal. A segunda abrange as festas de fim de ano, de 27 de dezembro a 1º de janeiro de 2020. "Vamos trabalhar com fiscalização voltada para ultrapassagens em locais proibidos; condutores sem usar cinto de segurança; o uso de celular; e os motociclistas, principalmente a falta do capacete", explicou o policial rodoviário Gilsomar Fabiano. A embriaguez ao volante também será combatida.

Neste período, aumenta a quantidade de veículos que trafegam pelas rodovias, principalmente em direção ao litoral e ao interior do Estado. Após decisão judicial, os radares móveis para regular limite de velocidade voltarão a atuar nas estradas.

O especialista em trânsito Delio Vianir explica que o ato de conduzir começa antes de entrar no veículo. É preciso estar em boas condições físicas e descansado. Além disto, deve-se revisar se o carro está em condições perfeitas (pneus, freios, faróis, nível do óleo e motor do veículo). Também é preciso respeitar os limites de velocidade e manter uma distância segura de outros veículos: "A ideia é ir para a festa, não estragar a festa".

A prevenção de acidentes será feita com o apoio do Grupo de Educação para o Trânsito da PRF, através de palestras em um ônibus adaptado e no interior de veículos de passageiros. O objetivo das abordagens é promover a mudança de comportamento de motoristas e passageiros.

Combate ao crime

Para o enfrentamento à criminalidade, a PRF contará com o apoio do Setor de Operações Especializadas e dos Grupos de Operações com Cães, Motociclistas e Policiamento Tático da PRF. A Base de Operações Aéreas, que atua em conjunto com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), também estará de prontidão para realizar resgates e acompanhar a movimentação nas rodovias. Em caso de emergência, a PRF deve ser acionada através do número 191.

Mais Lidas