Inquérito

Polícia investiga denúncia de estupro dentro de escola de Garanhuns

Vítima teria sido uma menina de nove anos

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 07/01/2020 às 15:50
NOTÍCIA
Reprodução
FOTO: Reprodução
Leitura:

A Polícia Civil, através da 9ª Delegacia da Mulher, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco, está investigando uma denúncia de um caso de estupro coletivo que teria ocorrido dentro de uma escola do município. A vítima teria sido uma criança de nove anos e o caso ocorrido em 27 de setembro de 2019 na Escola Professor Antônio Gonçalves Dias, conhecida como Caic.

Um inquérito policial foi instaurado para apurar o caso, que está sob a responsabilidade da delegada Graça Canuto. A criança foi submetida a exames periciais no Instituto de Medicina Legal (IML) para verificar sinais de violência. O Conselho Tutelar também foi acionado e acompanhou a menina nos exames. De acordo com a polícia, maiores informações sobre o caso serão prestadas após a conclusão das investigações.

Em nota, a Prefeitura de Garanhuns informou que a Secretaria Municipal de Educação recebeu a informação na noite do último sábado (4) e entrou em contato com os órgãos competentes de imediato. A pasta disse ainda que está averiguando o caso junto à Secretaria da Mulher, a Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam), o Conselho Tutelar e a família da estudante. Maiores informações só serão prestadas após a apuração dos fatos.

Denúncias

Em casos como este, a vítima deve procurar a Delegacia da Mulher ou a unidade policial mais próxima. A polícia orienta que a rapidez do registro do caso pode fazer a diferença na comprovação do crime e identificação dos autores, por causa da coleta de amostras e perícias. Maiores informações podem ser obtidas através da Ouvidoria da Mulher, no número 0800 2818187. Em caso de emergência, a Polícia Militar deve ser acionada no número 190.

Notícias policiais da TV Jornal Interior

Quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal Interior.

Mais Lidas