menu

Lixão de Bezerros, no Agreste pernambucano, é desativado

Prefeitura informou que depósito de lixo à céu aberto não receberá mais resíduos produzidos pela população

Lixão de Bezerros é desativado
Lixão de Bezerros é desativado (Divulgação/Prefeitura de Bezerros)

A Prefeitura de Bezerros, no Agreste pernambucano, informou nesta sexta-feira (17) que o lixão da cidade foi desativado. De acordo com a gestão, o depósito de lixo à céu aberto não receberá mais resíduos produzidos pela população.

“O primeiro passo foi a publicação do edital de licitação para a contratação de um Centro de Tratamento de Resíduos, em paralelo ao estudo social da área denominada como lixão de Bezerros, e a criação de um grupo de trabalho para abordar este assunto, que é tão importante e precisava de uma solução urgente”, explicou o secretário de Governo, Marconi Andrade.

Uma reunião foi realizada nessa quarta-feira (15) com a equipe da Prefeitura e todas as famílias que trabalhavam no lixão. A ação fez parte do Projeto Transformação, que tem como objetivo assistir as famílias e dar suporte durante a mudança.

Famílias

De acordo com a Prefeitura, durante um ano, as famílias serão asseguradas com benefícios de proteção social, além do desenvolvimento de cursos e oficinas. “A ideia é que também seja montada uma cooperativa, visto que muitos deles já afirmaram que desejam continuar trabalhando com a triagem do lixo”, afirmou a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Luciana Dutra.

Segundo a gestão, uma parte do material coletado foi enviado e descartado no Centro de Tratamento de Resíduos - CTR Caruaru. A desativação do lixão e descarte no centro de tratamento serão custeados pelo município. “Um sonho bastante antigo dos bezerrenses, que causava muitos problemas e agora finalmente está sendo resolvido. Mais um importante passo para o progresso da nossa cidade”, lembrou o prefeito Breno Borba.