Zona rural

Vítimas de acidente tinham marcas de tiros no corpo; polícia investiga

Dois homens morreram depois de serem atingidos por tiros e carro capotar em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 03/02/2020 às 16:41
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

A Polícia Civil está investigando o acidente que deixou duas pessoas mortas na madrugada desta segunda-feira (3) na PE-145, em Cachoeira Seca, zona rural de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, quatro homens trafegavam em um carro com placas de Delmiro Gouveia (AL), quando outro veículo se aproximou e os integrantes atiraram.

Ferido, o motorista do carro perdeu o controle e capotou. Ele e o homem que estava no banco do passageiro morreram. Eles foram identificados apenas como "Velhinho" e "Ninho". No banco traseiro, estavam Maciel Joseni da Silva, 24 anos, e outro homem ainda não identificado, que foram levados para o Hospital Regional do Agreste (HRA).

"Lá havia dado entrada uma pessoa que inicialmente chegou como um acidente de trânsito. Assim que a equipe médica foi fazer um atendimento mais apurado, verificou que a vítima estava com disparo de arma de fogo nas costas. Logo em seguida chegou uma outra vítima, também dessa forma, apresentando lesões. Essa vítima estava em um estado de saúde um pouco melhor", relatou o delegado Bruno Machado.

De acordo com o agricultor José Alves, algumas das vítimas eram de Fazenda Nova, distrito de Brejo da Madre de Deus. "Eram conhecidos da gente, até agora não se sabe o motivo do que foi", relatou.

A mãe de Maciel Joseni, Josefa Maria, não sabe o que pode ter ocorrido, e agradece a Deus pelo filho estar vivo: "Eu já me acordei com a notícia, saí atrás para socorrer, ele está fora de perigo".

Notícias policiais da TV Jornal Interior

Quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal Interior.

Mais Lidas