menu

Jovem que morreu após ser espancada e esfaqueada é sepultada em Santa Maria do Cambucá

Pessoas presentes no local pediam por justiça

Pessoas pediam por justiça durante o sepultamento da jovem
Pessoas pediam por justiça durante o sepultamento da jovem (Reprodução/TV Jornal Interior)

Foi sepultado na manhã deste sábado (7) o corpo da jovem de 20 anos que morreu após ser espancada e esfaqueada em Santa Maria do Cambucá, no Agreste pernambucano. As pessoas presentes estavam revoltadas com o crime que vitimou a mulher e pediam por justiça.

O corpo foi velado por uma multidão na comunidade de Serrinha em Santa Maria do Cambucá. A comunidade seguiu o cortejo para o cemitério, ao entrar na cidade os familiares resolveram carregar o caixão nas mãos. Durante o percurso até o cemitério, era possível ver diversos cartazes.

Lidiane Maria da Silva estava internada no Hospital Regional (HR), no Recife e morreu na tarde da última quinta-feira (5). A jovem havia sido espancada e esfaqueada no dia 11 de fevereiro. O suspeito é o ex-namorado da jovem, com quem Lidiane teve um relacionamento de cinco meses. Atualmente, ele está em liberdade.

A tia contou que o relacionamento havia acabado há quase cinco meses e, quando a jovem começou um novo relacionamento, o antigo namorado começou a ameaçá-la.

Jovem que morreu após ser espancada e esfaqueada é sepultada em Santa Maria do Cambucá

  • 09/03/2020 16:07
Foi sepultado na manhã deste sábado (7) o corpo da jovem de 20 anos que morreu após ser espancada e esfaqueada em Santa Maria do Cambucá, no Agreste pernambucano. As pessoas presentes estavam revoltadas com o crime que vitimou a mulher e pediam por justiça.

Notícias policiais da TV Jornal Interior

Quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal Interior.