menu

Juazeiro, na Bahia, confirma primeiro caso de coronavírus

Cidade é vizinha de Petrolina, no Sertão de Pernambuco

Coronavírus já provocou mais de 10 mil mortes em todo o mundo
Coronavírus já provocou mais de 10 mil mortes em todo o mundo (Foto Ilustrativa/Pixabay)

O primeiro caso de coronavírus (Covid-19) foi confirmado nesta segunda-feira (23) em Juazeiro, na Bahia. A cidade é vizinha a Petrolina, no Sertão de Pernambuco. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), o paciente é um homem de 74 anos que viajou para o exterior. Ele está em quarentena em casa e sob monitoramento da equipe de Vigilância Epidemiológica. Ele não apresenta sintomas da doença. As pessoas que entraram em contato com ele também estão sendo monitoradas.

A secretária de Saúde, Fabíola Ribeiro, relembra a necessidade do cumprimento de medidas preventivas adotadas pela gestão municipal. "Estamos trabalhando há algumas semanas para evitar que o Covid-19 afetasse a nossa população, mas infelizmente Juazeiro tem agora o primeiro caso confirmado. Reforçamos à população que é necessário e obrigatório o isolamento domiciliar".

Entre as medidas de prevenção ao coronavírus na cidade estão a suspensão das atividades da Academia da Saúde, academias privadas e boxes de crossfit; ação de aferição de temperatura e higienização de espaços e alimentos no Mercado do Produtor; recomendação de suspensão de cultos e celebrações religiosas com mais de 50 pessoas; suspensão de eventos festivos, entre outros.

Números

Juazeiro tem 13 casos notificados de coronavírus; seis deles foram descartados; seis estão em investigação pelo Laboratório Central (Lacen), em Salvador, e um foi confirmado. O município também vem divulgando os números relativos à H1N1 (gripe suína). Foram 38 notificações, com nove confirmações (incluindo dois óbitos). Oito resultados foram descartados e 21 continuam em investigação.

Sintomas e prevenção

O Covid-19 é similar a uma gripe e é transmitido pela saliva, espirro, tosse ou aperto de mãos. Os sintomas do coronavírus são febre, tosse e falta de ar. Caso apresente os sintomas, a orientação é ligar 136 ou procurar uma unidade de saúde na sua cidade.

A melhor forma de prevenir o novo coronavírus e outras doenças respiratórias é tomando algumas atitudes como: lavar bem as mãos frequentemente com água e sabão; utilizar álcool em gel 70% para higienizar as mãos caso não possa lavá-las; cobrir o nariz e a boca com um lenço descartável ao espirrar e tossir; usar o ombro ou braço para cobrir o espirro e a tosse; evitar tocar os olhos, nariz e boca quando as mãos não estiverem limpas; não compartilhar alimentos e objetos de uso pessoal como talheres, pratos, copos e garrafas; higienizar aparelhos celulares, tablets e controles remotos; manter ambientes bem ventilados, com portas e janelas abertas. Caso já esteja doente, evite locais fechados com muitas pessoas e o contato com idosos, gestantes e doentes crônicos.