Censo 2020

IBGE devolve R$ 2,82 milhões em taxas de inscrição para candidatos de concurso

Censo foi adiado para 2021 devido à pandemia do novo coronavírus

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 19/05/2020 às 11:55
NOTÍCIA
Wilson Dias/Agência Brasil
FOTO: Wilson Dias/Agência Brasil
Leitura:

Cerca de R$ 2,82 milhões em taxas de inscrição serão devolvidos aos candidatos inscritos no concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para trabalhar no próximo Censo. A pesquisa seria realizada este ano, mas foi adiada para 2021 por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

O concurso, que foi cancelado em março, iria contratar temporariamente 208.695 pessoas. O Censo é realizado a cada 10 anos para conhecer a realidade da população brasileira, através de pesquisas nas casas das pessoas. O processo ficou inviabilizado em 2020 devido ao risco de contaminação pela doença e a necessidade de isolamento social.

Aplicativo

A devolução começa nesta terça-feira (19) e será feita através do aplicativo Carteira Digital BB, do Banco do Brasil. Os candidatos que tinham pago os valores devem baixar a ferramenta, disponível para os sistemas Android e iOS. Não é preciso ter conta no banco para receber o dinheiro de volta.

De acordo com o IBGE, o aplicativo foi a opção escolhida para evitar que as pessoas se dirigissem às agências bancárias, formando aglomerações. Cerca de 100,7 mil candidatos pagaram as taxas de R$ 23,61 (para candidatos a recenseador) e R$ 35,80 (agente censitário).

*Com informações da Agência Brasil

Mais Lidas