menu

Cidades do Sertão não avançam para a próxima etapa do plano de reabertura da economia

Veja a lista dos municípios que não foram autorizados a reabrir outras atividades na próxima segunda

Coletiva de imprensa do Governo de Pernambuco nessa segunda-feira (30)
Coletiva de imprensa do Governo de Pernambuco nessa segunda-feira (30) (Hélia Scheppa/SEI/Divulgação)

Sessenta cidades do Sertão de Pernambuco não poderão avançar para a próxima etapa do Plano de Convivência com a Covid-19 do governo estadual, que detalha como será a reabertura da economia. Municípios que ficam nas regiões de saúde de Arcoverde, Salgueiro, Petrolina, Ouricuri, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada não terão outras atividades econômicas liberadas e continuarão com as que já estão funcionando.

A justificativa do governo é que os números de casos e mortes provocadas pelo novo coronavírus, além da demanda por leitos em unidades de saúde, ainda não estão estabilizados. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa online, nessa terça-feira (30).

Na próxima segunda-feira (6), 50 cidades das regiões de saúde do Recife, Limoeiro e Goiana seguem para a quinta etapa do Plano de Convivência com a Covid-19. Portanto, poderão reabrir os estabelecimentos de venda de automóveis com 100% da capacidade e os serviços de escritório, com 50%.

Agreste e Zona da Mata

O Agreste, por outro lado, continua na segunda etapa do plano, com construção civil, comércio atacadista, consultórios, entre outros serviços reabertos; mas com o varejo, shoppings, salões de beleza e serviços de estética fechados. Além disto, duas cidades, Caruaru e Bezerros, passam por uma quarentena mais rígida, até 5 de julho.

A situação do Sertão, do Agreste e da regional de Palmares, na Zona da Mata, será reavaliada no próximo sábado (4) para a tomada de novas decisões. Permanecem suspensos os jogos de futebol e a retomada do Polo de Confecções. Estas atividades passarão por reanálise na próxima terça (7), após o fim da quarentena rígida em Caruaru e Bezerros.

"A análise das informações de saúde é feita com muita responsabilidade e critério. Estamos sendo extremamente cuidadosos com o andamento do Plano de Convivência. Permanecemos expandindo nossa rede de atendimento e investindo na prevenção. Vale destacar que, mesmo com a retomada das atividades econômicas, as pessoas só devem sair de casa em casos de extrema necessidade, usar máscara de proteção e reforçar os hábitos de higiene", ponderou o governador Paulo Câmara.

De acordo com o Governo do Estado, na terça (30) a rede de saúde estadual estava com 77% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados. Este é o menor índice desde 5 de abril. Cerca de 40 mil pessoas estão recuperadas da covid-19 em Pernambuco. O estado registra 58.858 casos confirmados e 4.829 mortes pela doença.

Veja as cidades do Sertão que não poderão avançar no plano de retomada:

6ª Regional de Saúde: Arcoverde, Buíque, Custódia, Ibimirim, Inajá, Jatobá, Manarí, Pedra, Petrolândia, Sertânia, Tacaratu, Tupanatinga, Venturosa

7ª Regional de Saúde: Belém do São Francisco, Cedro, Mirandiba, Salgueiro, Serrita, Terra Nova, Verdejante

8ª Regional de Saúde: Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó, Petrolina, Santa Maria da Boa Vista

9ª Regional de Saúde: Araripina, Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz, Santa Filomena, Trindade

10ª Regional de Saúde: Afogados da Ingazeira, Brejinho, Carnaíba, Iguaraci, Ingazeira, Itapetim, Quixaba, Santa Terezinha, São José do Egito, Solidão, Tabira, Tuparetama

11ª Regional de Saúde: Betânia, Calumbi, Carnaubeira da Penha, Flores, Floresta, Itacuruba, Santa Cruz da Baixa Verde, São José do Belmonte, Serra Talhada, Triunfo