Retorno

Carreata cobra reabertura das academias em Serra Talhada

Estabelecimentos voltam a funcionar segunda na Região Metropolitana do Recife

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 17/07/2020 às 11:13
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

Um grupo formado por proprietários de academias e profissionais da educação física realizaram um protesto na manhã desta sexta-feira (17) no centro de Serra Talhada, no Sertão de Pernambuco, para cobrar a reabertura dos estabelecimentos. Eles estavam em carros e motocicletas e percorreram algumas ruas da cidade, passando em frente à sede da prefeitura.

A educadora física Diva de Pádua afirma que entende os cuidados que o momento exige, mas na visão dela, com a reabertura do comércio não há justificativa para que as academias não funcionem. "Estamos parados há 100 dias e precisamos voltar a trabalhar. Existe aluguel, existe o quadro de funcionários para ser pago. Os empresários e profissionais de educação física já não têm como levar", desabafou.

Ainda segundo ela, os protocolos para receber os alunos, como o limite de pessoas por horário e a higienização dos equipamentos já são de conhecimento dos donos das academias, que aguardam apenas o aval das autoridades para reabrirem. A profissional cobra uma resposta do governo municipal, para que discuta com o Governo de Pernambuco a possibilidade de funcionamento também para o Sertão.

Academias reabrem na RMR

Na Região Metropolitana do Recife (RMR) e Zona da Mata, as academias poderão reabrir a partir da segunda-feira (20), dentro da sexta etapa do Plano de Convivência com a Covid-19.

O protocolo com medidas sanitárias para combater o novo coronavírus inclui o uso de máscaras, o distanciamento social, a medição da temperatura, o reforço de limpeza no local, entre outros.

Os equipamentos que absorvem o suor, como tapete de ioga ou colchonetes, não devem ser de uso comum e cada aluno deve levar o seu.

Mais Lidas