menu

Polícia resgata grávida sequestrada e prende 11 pessoas em Gravatá

Armas, munições, drogas e uma caminhonete de luxo foram apreendidas na ação

Parte dos materiais apreendidos
Parte dos materiais apreendidos (Divulgação/PM/PRF)

Um grupo formado por 11 pessoas, com idades entre 18 a 46 anos, foi detido, e uma adolescente grávida de sete meses, vítima de sequestro, foi resgatada, na tarde dessa quinta-feira (30) em Gravatá e Amaraji, no Agreste pernambucano. A ação foi realizada pela Polícia Militar (PM) e pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Segundo informações da PRF, o grupo é suspeito de traficar drogas, roubar cargas e assaltar veículos nas rodovias federais da região.

O serviço de Inteligência da PM apurou informações de que uma adolescente de 17 anos foi sequestrada e estaria sendo mantida refém em um cativeiro em Gravatá. No local, foram apreendidas duas armas. Dois homens e duas mulheres suspeitos de manter a adolescente presa foram detidos.

De acordo com a polícia, ela havia sido sequestrada há sete dias em Belo Jardim. O sequestro teria sido motivado por uma dívida do irmão dela com o grupo.

Materiais apreendidos

Foram realizadas abordagens em outras casas onde se escondiam suspeitos de fazer parte da quadrilha. Foram apreendidas com eles outras três armas, 148 munições, 1,6 kg de maconha, R$ 7.314, cheques preenchidos, uma caminhonete de luxo roubada, uma balança de precisão e um equipamento usado para bloquear sinal de rastreamento de caminhão.

As pessoas detidas e o material apreendido foram levados para a delegacia de Polícia Civil de Gravatá e a vítima foi encaminhada ao Conselho Tutelar do município.

O caso será investigado pela Polícia Civil.