Combustível

Nova gasolina será mais cara e deve reduzir consumo em até 6%

Novo combustível apresenta características que buscam melhorar qualidade e eficiência

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 04/08/2020 às 12:44
NOTÍCIA
Fernando Frazão/ABr
FOTO: Fernando Frazão/ABr
Leitura:

A nova gasolina começou a ser vendida nessa segunda-feira (3) no Brasil. O novo combustível apresenta algumas características que buscam melhorar a qualidade e a eficiência, porém deve ser mais cara que a atual.

Uma das novas características é em relação a mudança no método de destilação, que dificulta a adulteração do produto.

O consumo de gasolina deve diminuir entre 3% e 6%. O preço deve ficar mais caro e o combustível será menos poluente. A octanagem: o mínimo passa de 87 para 92 octanos.

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) estipulou que as distribuidoras terão até 60 dias e os postos terão 90 dias para esgotarem os estoques da antiga gasolina. Depois disso deve ser iniciada a fiscalização da ANP.

Mais Lidas