Pandemia

7 de setembro: Ministro da defesa determina cancelamento do desfile

Portaria foi publicada nesta sexta-feira (7) no Diário Oficial da União

Antonio Virginio Neto
Antonio Virginio Neto
Publicado em 07/08/2020 às 11:56
NOTÍCIA
Marcello Casal Jr/ Agência Brasil
FOTO: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil
Leitura:

Uma portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta sexta-feira (7) e assinada pelo ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, determina o cancelamento do Desfile de 7 de setembro em 2020. Na ocasião, seria comemorado o 198º aniversário da proclamação da Independência do Brasil.

Mesmo com a decisão, a realização de qualquer tipo de cerimônia que celebre a data fica a cargo do Presidente Jair Bolsonaro, que até o momento da publicação desta matéria não se manifestou sobre o cancelamento do desfile. Auxiliares do presidente detalharam ao site UOL, que é possível que haja alguma comemoração de forma mais restrita no Palácio do Planalto.

Na justificativa da portaria, o ministro salienta que a promoção de eventos deste gênero não são recomendadas durante a pandemia da Covid-19 devido ao risco de contaminação. O Ministro da Defesa é o chefe das Forças Armadas e determinou aos Comandantes da Marinha do Brasil, do Exército Brasileiro e da Força Aérea Brasileira "que orientem suas respectivas Forças para se absterem de participar de quaisquer eventos comemorativos alusivos ao supracitado evento como desfiles, paradas, demonstrações ou outras que possam causar concentração de pessoas".

Mais Lidas