Polo de Confecções

Número de compradores é abaixo do esperado na volta das feiras em Santa Cruz do Capibaribe

Alguns lojistas não conseguiram se preparar a tempo para reabrir

Ana Maria Miranda e Nayara Vila Nova
Ana Maria Miranda e Nayara Vila Nova
Publicado em 10/08/2020 às 10:33
NOTÍCIA
Nayara Vila Nova/TV Jornal Interior
FOTO: Nayara Vila Nova/TV Jornal Interior
Leitura:

A quantidade de clientes na volta das feiras em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste de Pernambuco, foi abaixo do esperado nesta segunda-feira (10). A movimentação no estacionamento do Moda Center, que reabriu nesta segunda, foi considerada normal.

O centro de compras voltou a funcionar seguindo os protocolos de segurança para evitar a disseminação do novo coronavírus. O fluxo de pessoas está sendo controlado; das 10 entradas, apenas as principais estão em funcionamento. Os vendedores e clientes precisam usar máscaras e a temperatura de todos está sendo verificada na entrada.

> Feira da Sulanca de Caruaru tem movimentação grande durante 1º dia de reabertura oficial

O retorno das feiras a partir de domingo (9) foi anunciado na última quinta-feira (6), e muitas pessoas já estavam comprometidas com o sistema de delivery, que continua em funcionamento em uma das áreas do estacionamento do Moda Center. Sem tempo hábil para se preparar, alguns dos boxes e lojas não reabriram nesta segunda. Porém, os vendedores que estavam com a mercadoria pronta conseguiram fazer negócios.

O Moda Center tem quase 10 mil boxes e todos precisam disponibilizar álcool em gel para os frequentadores.  O uso de manequins está proibido. Fiscais fazem a orientação para garantir o cumprimento das medidas.

Toritama

A Feira do Jeans, tradicionalmente realizada aos domingos, recebeu em torno de 20 mil pessoas nesse domingo (9). O portão principal do Parque das Feiras foi aberto às 14h. Na entrada, uma equipe da Secretaria da Saúde fazia a medição da temperatura. Os profissionais também disponibilizaram um espaço de acompanhamento em caso de suspeita da covid-19.

Nos corredores, fiscais da Secretaria da Fazenda e guardas municipais acompanhavam a movimentação com a equipe do centro de compras.

Mais Lidas