Saúde

Pernambuco é o estado que menos realizou teste de coronavírus

Dados foram divulgados pelo IBGE

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 21/08/2020 às 8:40
NOTÍCIA
Pedro Menezes/SEI
FOTO: Pedro Menezes/SEI
Leitura:

Pernambuco foi estado do Brasil que teve o menor percentual de testes para detectar o coronavírus (covid-19) em julho deste ano. Os dados foram divulgados pelo IBGE nessa quinta-feira (20) e são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD Covid-19).

Em julho, 13,3 milhões de pessoas fizeram algum teste para diagnosticar a doença. O Distrito Federal foi o local com o maior percentual de testes feitos (16,7%), enquanto Pernambuco registrou o pior percentual (4,1%).

O secretário estadual da Saúde, André Longo, disse que o Ministério da Saúde tem dados mais confiáveis porque informa o número de testados com exatidão. "O próprio IBGE avalia que essa pesquisa tem um caráter experimental. [...] Não cabe fazer amostragem domiciliar para saber a quantidade de testes que foram efetivamente realizados. Então, quando você faz uma amostra domiciliar, você tem uma margem de erro muito grande. A ideia é fazer a comparação com o efetivo número de testes", disse ele.

O secretário reconheceu que Pernambuco fez menos testes rápidos: "Pernambuco é o sexto Estado com mais testagem de RT-PCR, que é o padrão-ouro dos testes de covid-19. Entre todos os Estados, Pernambuco, de fato, fez menos testes rápidos porque nós não apostamos na compra de testes rápidos, que ficaram a cargo dos municípios. O Estado, como gestor da média e alta complexidade, sempre se preocupou com os casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave. Fizemos testagem desde o início, dentro do padrão-ouro que é o teste molecular de RT-PCR. Pernambuco tem um padrão de testagem muito maior do que outros Estados".

De acordo com o Ministério da Saúde, Pernambuco fez, até a 33ª semana epidemiológica (18 de agosto), 137.920 testes RT-PCR, ou swab.

Mais Lidas