Economia

Caixa credita FGTS Emergencial para mais um grupo na próxima terça-feira

Trabalhadores podem sacar até R$ 1.045

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 05/09/2020 às 10:13
NOTÍCIA
Reprodução/Rádio Jornal
FOTO: Reprodução/Rádio Jornal
Leitura:

A Caixa Econômica Federal (CEF) credita os valores do FGTS Emergencial para os trabalhadores nascidos em outubro na próxima terça-feira (8).

O valor ficará disponível para cerca de 5 milhões de pessoas, um montante de aproximadamente R$ 3,2 bilhões. Estes trabalhadores poderão sacar o dinheiro no dia 31 de outubro, caso ainda não tenham utilizado.

Como fazer pagamento no Caixa Tem? Veja passo a passo

Veja lista de lojas que aceitam cartão virtual do Caixa Tem

Inicialmente, o crédito só pode ser utilizado a partir do aplicativo Caixa Tem. Através dele, é possível utilizar o cartão de débito virtual para fazer compras pela internet, em aplicativos e sites de estabelecimentos credenciados.

Para usar o cartão, é preciso gerá-lo no aplicativo. Depois disso, é só acessar o ícone do cartão no app e digitar a senha do Caixa Tem. Em seguida, aparecerão dados como: nome do cidadão, número e validade do cartão, além do código de segurança. A cada compra, é preciso gerar um novo código.

Outra opção é fazer compras utilizando as maquininhas de cartão. O pagamento digital é feito nos estabelecimentos físicos habilitados. Trata-se de uma funcionalidade que utiliza a leitura do QR Code gerado pelas maquininhas das lojas. O código é escaneado pelos celulares com câmera.

Cerca de 50% dos trabalhadores pretendem pagar dívidas com FGTS

Veja como consultar saldo e extrato no Caixa Tem

Ao clicar na opção "Pague na maquininha" no aplicativo, a câmera do celular abrirá automaticamente. O usuário deve apontar o telefone para a leitura do QR Code gerado na maquininha do estabelecimento.

Têm direito ao saque emergencial aqueles com contas ativas ou inativas do FGTS. O limite máximo de retirada é de R$ 1.045.

Cancelamento do crédito automático

O trabalhador poderá indicar que não deseja receber o saque emergencial do FGTS até 10 dias antes do início do seu calendário de crédito na conta poupança social digital, para que sua conta do FGTS não seja debitada.

Saiba como baixar e usar o novo Aplicativo FGTS no celular

Caso o crédito dos valores tenha sido feito na poupança social digital do trabalhador e essa conta não seja movimentada até 30 de novembro de 2020, os valores corrigidos serão retornados à conta do FGTS.

Calendário do saque emergencial do FGTS
Calendário do saque emergencial do FGTS
Divulgação/Caixa

Mais Lidas