Traição

Nadador trai a esposa e é suspenso por federação

Além de ser suspenso pela Federação Japonesa de Natação, Seto perdeu patrocínio

Equipe NE 10 Interior
Equipe NE 10 Interior
Publicado em 15/10/2020 às 15:45
NOTÍCIA
Reprodução/Facebook/daiya.seto.gold
FOTO: Reprodução/Facebook/daiya.seto.gold
Leitura:

O astro do esporte japonês Daiya Seto foi suspenso das atividades esportivas, até o fim de 2020, pela Federação Japonesa de Natação, por ter um caso extraconjugal. A entidade asiática considerou que ele “quebrou os padrões dos esportistas”. Pela traição à esposa, Seto também perdeu o patrocínio da Japan Airlines, de quem era garoto-propaganda, pela empresa afirmar que não poderia compactuar com essa situação.

De acordo com reportagem do Estadão Conteúdo, o nadador, que é campeão mundial, foi flagrado entrando em um motel com uma mulher que não era sua esposa, o que ele posteriormente admitiu ser um caso extraconjugal. Ele é casado a ex-saltadora ornamental Yuka Mabuchi, com quem tem duas filhas.

Arrependimento

Depois de o caso vir à tona, Seto pediu desculpas. “Minha falta de respeito machucou a minha valorosa família e decepcionou a todos os meus apoiadores, patrocinadores e muitas outras pessoas. Com muito remorso, eu vou discutir com minha família que caminho iremos tomar”, declarou.

Nadador trai a esposa, mas está confirmado na disputa da Olimpíada de Tóquio de 2021.

Com informações do Estadão Conteúdo

Mais Lidas