menu

Polícia encontra R$ 30 mil na cueca de vice-líder do governo Bolsonaro

Quantia foi encontrada durante operação que investiga desvios de recursos públicos

Chico Rodrigues
Quantia de R$ 30 mil na cueca do vice-líder do governo no Senado, Chico Rodrigues (Pedro França/Agência Senado)

A Polícia Federal encontrou a quantia de R$ 30 mil na cueca do vice-líder do governo no Senado, Chico Rodrigues (DEM-RR) nessa quarta-feira (14). Ele é alvo de uma operação que investiga desvios de recursos públicos destinados ao combate à pandemia do coronavírus. A ordem de busca e apreensão foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso.

O dinheiro foi encontrado durante a abordagem dos policiais. De acordo com informações do jornal O Estado de S.Paulo, os valores encontrados casa do senador chegariam a R$ 100 mil, no total.

As investigações apuram possíveis irregularidade em contratações feitas com dinheiro público. De acordo com a Controladoria-Geral da União (CGU), as contratações suspeitas realizadas no âmbito da Secretaria de Estado da Saúde, envolveriam cerca de R$ 20 milhões que deveriam ser usados em ações de combate ao covid-19.

Segundo a PF, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão em Boa Vista e a operação tem como objetivo a "desarticulação de possível esquema criminoso voltado ao desvio de recursos públicos, oriundos de emendas parlamentares".

Chico Rodrigues emprega o primo dos filhos de Bolsonaro, Leo Índio, como assessor parlamentar, em seu gabinete. Auxiliares de Bolsonaro disseram ao pelo jornal O Estado de S.Paulo, que Rodrigues deve deixar o cargo.

Em nota, Rodrigues disse que tem "um passado limpo e uma vida decente" e afirmou nunca se envolveu em escândalos: "Acredito na justiça dos homens e na justiça divina. Por este motivo estou tranquilo com o fato ocorrido hoje em minha residência em Boa Vista, capital de Roraima. A Polícia Federal cumpriu sua parte em fazer buscas em uma investigação na qual meu nome foi citado. No entanto, tive meu lar invadido por apenas ter feito meu trabalho como parlamentar, trazendo recursos para o combate ao Covid-19 para a saúde do Estado".