menu

Fã de esporte radical? Veja cinco destinos aventureiros em Pernambuco

Os amantes dos esportes radicais possuem várias opções a conferir no Estado

Os amantes dos esportes radicais possuem várias opções a conferir no Estado
Os amantes dos esportes radicais possuem várias opções a conferir no Estado (Imagem ilustrativa – Crédito: Divulgação)

Dotado de belezas naturais que vão do Sertão até o Litoral, o estado de Pernambuco oferece dezenas de opções para quem não perde a oportunidade de colocar o "pé na estrada" a fim de vivenciar esportes radicais.

O NE 10 Interior traz, nesta matéria, alguns roteiros interessantes que podem ser adotados pelos aventureiros de plantão que estão à procura de muita adrenalina em municípios do Interior.

Para isso, tomou como referência as avaliações dos usuários da plataforma Tripadvisor. Confira destinos aventureiros em Pernambuco.

Bonito

Bonito
Bonito
Divulgação

Localizado a 140 quilômetros da capital pernambucana, Recife, Bonito também não é conhecido como a Terra das Cachoeiras em vão. O município tem como principal atrativo a cachoeira Véu da Noiva, que possui 32 metros de altura e é a opção perfeita para quem curte esportes radicais. Nela, os turistas aventureiros podem praticar tirolesa e rapel. Esta cidade da região Agreste ainda possui o maior teleférico da região Nordeste. O equipamento tem 1.200 metros e oferece uma visão privilegiada de Bonito. E por falar em visão privilegiada, os amantes do balonismo também podem colocar os passeios em dia por lá.

Taquaritinga do Norte

Rampa do Pepê
Rampa do Pepê
Reprodução/Facebook

Taquaritinga fica a 164 quilômetros do Recife, no Agreste do Estado, e é parada obrigatória para os aventureiros fãs de voo-livre.O município oferece a rampa do Pepê, equipamento bastante frequentado ao longo do ano. Formada ainda por diversas serras, a cidade tem como a Serra da Taquara, com 1.086 metros acima do nível do mar, onde os aventureiros têm uma vista privilegiada da região.

Triunfo

Triunfo
Triunfo
Imagem ilustrativa

Para quem aprecia um bom roteiro ecológico, Triunfo, no Sertão do Estado, é o destino mais indicado. A cidade sertaneja é considerada uma das ricas de Pernambuco em termos de matas, cachoeiras e serras. Nela, a dica é fazer a tradicional trilha da Cachoeira do Pinga. O município ainda conta com o Pico do Papagaio, que é o ponto culminante do estado de Pernambuco, a 1250 metros de altitude. Para chegar até ele, os turistas aventureiros precisarão contratar um motorista de 4×4. Canoagem também pode ser praticar nas águas de lá.

Venturosa

Venturosa
Venturosa
Tripadvisor

Os fãs do rapel certamente já estão cansado de saber, mas nunca é demais relembrar. Na sua região Agreste, Pernambuco dispõe de um espaço perfeito para a prática do rapel. O NE 10 Interior está se referindo à Pedra Furada, em Venturosa. O local oferece uma das mais belas paisagens da região. Este município, que fica a 264 quilômetros da capital pernambucana, ainda é considerado um dos sete polos de ecoturismo do Estado.

Gravatá

Localizado a 85,9 quilômetros do Recife, Gravatá, no Agreste pernambucano, é outra opção indicada para se praticar trilhas. Sete quilômetros de estrada de terra, no meio da caatinga, levam até a reserva Serra do Contente, onde começa a trilha. Arvorismo, arco e flecha, rapel; paredão de escalada, aquaball, circuito bike, paintball e tobogã também podem ser praticados na cidade.