menu

Obra da Compesa promete ampliar abastecimento de Caruaru

A previsão de conclusão é julho de 2021

Regime é de cinco dias com água e 10 dias sem
Atualmente o abastecimento conta com rodízio de 5 dias com água e 5 sem (Divulgação)

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), está com uma obra em andamento nas Estações de Tratamento de Água (ETA) do bairro Petrópolis e Salgado, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Estão sendo realizadas intervenções com o objetivo de recuperar as unidades de tratamento e melhorar a capacidade da subestação elétrica de cada ETA. De acordo com a Compesa, o serviço deve ampliar o abastecimento de água para mais de 226 mil habitantes que vivem na zona urbana do município até julho de 2021.

A obra da ETA Petrópolis prevê a recuperação das unidades de tratamento e ampliação da capacidade da subestação elétrica. Atualmente, a estação tem capacidade para tratar 500 litros por segundo. Na ETA Salgado, a capacidade atual de tratamento é de 300 litros por segundo e a Compesa irá construir uma elevatória de água tratada com capacidade de 500 litros por segundo, além de ampliar a capacidade da subestação elétrica. Juntas, as duas ETA devem elevar a capacidade de tratamento 800 para 1,3 mil litros de água por segundo.

Redução do rodízio

Em novembro deste ano, a Compesa divulgou que haveria redução no regime do abastecimento de Caruaru. O novo calendário começou a valer no dia 23 de novembro. A medida foi tomada pela companhia após as chuvas registradas em 2020, que ajudaram a recuperar o sistema Jucazinho.