Antiguidade

Selo de 2.300 anos é encontrado em Israel

Selo impresso tem a figura de um leão rugindo

NE 10 Interior
NE 10 Interior
Publicado em 14/12/2020 às 14:28
NOTÍCIA
Dani Machlis / Universidade Ben Gurion
FOTO: Dani Machlis / Universidade Ben Gurion
Leitura:

Ao comprá-lo, há mais de 50 anos, por apenas 10 ciclos antigos, em Israel, o professor Yigal Ronen não imaginava que aquele selo impresso com a figura de um leão rugindo teria sido produzido a cerca de 2.300 anos atrás, tendo sido utilizado na época do rei Jeroboão.   

Professor da Universidade Ben-Gurion (BGU), do Negev, em Israel, YRonen, achou, de início, que o selo não era original e antigo, pois ele havia pagado muito barato no mercado, mas mesmo assim, ele resolveu arriscar e a entregou aos pesquisadores da área para analisar a procedência do selo.

Quando os pesquisadores autenticaram o selo, foi descoberto que ele foi selado em um pano de linha quando estava relativamente seco e foi fixado em uma temperatura de cerca de 750 graus celsius. Os testes laboratoriais apontaram que os materiais encontrados no selo equivalem as áreas da baixa galileia e nos vales de Jezreel e Beit She’na.

Museu de Israel

A família de Ronen entregou o selo de 2.300 anos à Autoridade de Antiguidades, depois da descoberta e ele será exposto no Museu de Israel.

Com informações do Gospel Prime

Mais Lidas