Investigações

Delegado fala sobre caso da menina de 12 anos que estava desaparecida em Garanhuns

De acordo com Flávio Pessoa, investigações permanecem em curso

Pedro Augusto
Pedro Augusto
Publicado em 17/12/2020 às 14:52
NOTÍCIA
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

O desaparecimento da menina Thayslane, a Tati, de 12 anos, ganhou bastante repercussão em Garanhuns, no Agreste pernambucano, onde ela reside. Depois de quase duas semanas, ela foi localizada, na mesma cidade, dias após realização de protesto por parte de familiares e amigos, na BR-424, devido ao seu sumiço.

Na oportunidade, a mãe da adolescente agradeceu o apoio na divulgação do caso e disse que a ela estava bem: "Hoje é um dia muito feliz para mim".

Agora, quem falou à respeito do caso foi o delegado de Garanhuns, Flávio Pessoa. Em entrevista esta semana, à Rádio Jornal, o policial confirmou que a adolescente alega ter sido raptada por supostos tios.

"A menor desapareceu no último dia 27 de novembro e ela encaminhou áudios para o celular da mãe dizendo que tinha sido levada por dois tios. Semanas depois ela foi abandonada, segundo a sua própria versão, na rua da casa dela. As investigações continuam em curso para esclarecermos esse desaparecimento".

 Menina de 12 anos que estava desaparecida em Garanhuns é encontrada

Menina de 12 anos está desaparecida há uma semana em Garanhuns

O delegado também falou o sobre o seu estado físico tão logo foi encontrada. "Ela estava aparentemente bem. Não estava dopada tampouco sob o efeito de drogas, nem em estado de choque. Pelo o tempo que passou desaparecida, segundo ela, num cativeiro, poderia estar abalada, mas estava tranquila". 

IML

Tati foi encaminhada ao IML, onde se submeteu a exames sexológicos, nada sendo constatado, segundo Flávio Pessoa. "Ela não apresentou nenhuma violência física, incluindo sexual. A menina foi tirada sem a ordem dos pais e precisamos encontrar os responsáveis por esse desaparecimento. Nos áudios, ela alega que eram tios, porém os criminosos estavam com máscaras, ou seja, eles se identificaram como parentes, porém ela não os reconheceu", finalizou o delegado de Garanhuns. 

Notícias policiais da TV Jornal Interior

Além desta matéria: "Delegado fala sobre caso da menina de 12 anos que estava desaparecida em Garanhuns", quer ficar acompanhando as notícias policiais da TV Jornal? Você pode ter acesso rápido a todas elas no nosso grupo, no Facebook. Acesse aqui o grupo Notícias Policiais TV Jornal Interior.

 

 

 

Mais Lidas