Sem procedência

Coronavac falsificada é vendida ao preço de R$50 no Rio de Janeiro

Vale ressaltar que a vacina original Coronavac ainda não foi disponibilizada, tampouco colocada à venda pelas autoridades

Equipe NE10 Interior
Equipe NE10 Interior
Publicado em 22/12/2020 às 14:56
NOTÍCIA
Reprodução/NE10 Interior
FOTO: Reprodução/NE10 Interior
Leitura:

A vacinação contra a covid-19 vem gerando muita expectativa no Brasil, haja vista que a pandemia permanece em alta no país. Entretanto é preciso ficar atento para as ofertas de vacinas sem procedência e nenhuma autenticidade do Ministério da Saúde.

Em Madureira, no Rio de Janeiro, o produtor cultural Sérgio Oliveira, se deparou, nessa segunda-feira (21), com a venda da vacina Coronavac falsificada. O produto de nenhuma procedência estava sendo comercializado ao preço de R$ 50, em caixas com caracteres chineses.

Vale ressaltar que a vacina original Coronavac ainda não foi disponibilizada, tampouco colocada à venda pelas autoridades. O governador paulista João Doria (PSDB) anunciou na segunda-feira, 21, que o estado de São Paulo terá 10,8 milhões de doses da CoronaVac até o dia 31 de dezembro.

O próximo lote de entrega — com matéria-prima enviada da China ao Instituto Butantan pelo laboratório parceiro Sinovac Life Science — tem previsão de chegada nesta quinta-feira, 24.

Sem resposta

Até publicação desta matéria a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro, não havia se pronunciado sobre a venda de Coronavac falsificada.

Com informações da Veja

 

Mais Lidas