menu

PM agride moradores depois de briga com vizinho policial; veja o vídeo

De acordo com a dona da casa, foi registrado um boletim de ocorrência alegando abuso de autoridade

PM agride moradores após confusão com vizinho em Bauru, no interior de São Paulo
PM agride moradores após confusão com vizinho em Bauru, no interior de São Paulo (Reprodução/Redes sociais)

A Corregedoria da PM investiga um caso de abuso de autoridade ocorrido no último sábado em Bauru, interior de São Paulo. A comerciante Jocimara Fabiana da Silva, 37, registrou um boletim de ocorrência depois que policiais militares invadiram sua casa durante uma festa.

Em entrevista ao UOL, Jocimara contou que a comemoração marcava o aniversário de 16 anos da sua filha e contava com aproximadamente 12 pessoas, que eram parentes e amigos da jovem. Depois de quarenta minutos de festa, Jocimara ouviu uma discussão entre alguns jovens que estavam do lado de fora da casa com um vizinho da família, policial militar, que estava de folga.

"A discussão aconteceu porque dois meninos estavam fumando maconha próximos ao portão dele, e ele mandou que saíssem dali. Os garotos estavam saindo, numa boa, sem discussão, quando o homem começou a xingá-los de 'vagabundos' e começou a empurrá-los", disse ela em entrevista.

Depois de 10 minutos de discussão, Jocimara afirmou que pelo menos 10 viaturas da PM estavam em frente a sua casa. Os agentes e o vizinho entraram na residência e passaram mais de 40 minutos procurando as supostas drogas.

Em seguida, os PMs partiram para a agressão. Quatro pessoas ficaram feridas e foram levadas ao Pronto-Socorro Central de Bauru. Uma delas precisou levar quatro pontos na testa.

Veja o vídeo