menu

Governo Federal deve antecipar 13º salário e abonos do INSS

A medida se dá em virtude do aumento dos casos da Covid-19 no país

Idosos vão ao INSS tirar dúvidas e se aposentarem antes da mudança
Governo Federal deve antecipar os pagamentos também em 2021 (Reprodução/Tv Jornal Interior)

Por causa do constante aumento do número de casos confirmados de Covid-19 no Brasil, o governo Jair Bolsonaro decidiu pela antecipação dos pagamentos do 13º salário de aposentados e pensionistas do INSS e do abono salarial. A medida foi adotada também em 2020.

 > Confira as datas de pagamentos das aposentadorias do INSS em 2021

INSS terá reajuste de 5,45% e teto deve chegar a R$ 6.433,57

De acordo com a assessoria da presidência, a primeira parcela do 13º dos aposentados e pensionistas deve ser paga em fevereiro. Já a segunda parcela está prevista para março deste ano. As mesmas datas serão usadas para pagamento do abono salarial.

A medida deve ser formalizada nos próximos dias pela equipe do ministro da Economia, Paulo Guedes. A antecipação não deve gerar nenhum custo extra para o governo, já que existe verba prevista no Orçamento de 2021.