menu

"Me arrependo", diz fotógrafo que 'furou fila' da vacinação em Jupi

O homem recebeu a vacina contra a Covid-19 sem fazer parte do grupo prioritário

O homem teria recebido a vacina sem pertencer ao grupo prioritário
O homem teria recebido a vacina sem pertencer ao grupo prioritário (Reprodução/Internet)

Em entrevista por telefone para a Rádio Jornal, o fotógrafo da Prefeitura de Jupi, no Agreste de Pernambuco, que "furou a fila" dos grupos prioritários para tomar a primeira dose da vacina contra a Covid-19 nesta terça-feira (19), afirmou estar arrependido.

MPPE vai fiscalizar vacinação nos municípios para evitar desvios

Fotógrafo 'fura fila' e recebe vacina em Jupi, no Agreste

“Eu me arrependo. Foi uma falta de empatia. Não terei coragem de tomar de novo”, disse o homem. Em seguida ele negou ter tomado a vacina e pediu para que o assunto fosse esquecido.

Entenda o caso

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) investiga um caso de uma pessoa que "furou a fila" e recebeu a vacina sem pertencer ao grupo prioritário. O caso foi registrado por meio de vídeo, que mostra um fotógrafo supostamente recebendo a primeira dose da CoronaVac.

A SES-PE informou por meio de nota que vai solicitar apoio ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e à Secretaria de Defesa Social para que o caso seja investigado e, se confirmada a imunização fora do grupo prioritário, com desvio de finalidade, os responsáveis sejam punidos.

Veja o vídeo