Crime

Nego do Borel é investigado por tentativa de feminicídio

Enfrentando acusações da ex-noiva, Duda Reis, o cantor agora responderá também por denúncias da ex-namorada Swellen Sauer

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 19/01/2021 às 11:35
NOTÍCIA
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

O cantor Nego do Borel será investigado pela polícia por lesão corporal e tentativa de feminicídio. Enfrentando acusações da ex-noiva, Duda Reis, o artista agora deve responder por outras denúncias, que se baseiam em uma publicação da ex-namorada, Swellen Sauer, feita na semana passada.

Após término de noivado, mãe de Duda Reis manda indireta para Nego do Borel: “Desapega, praga”

A mulher relata que foi agredida pelo cantor com soco na costela e que ele tentou enforca-la com um carregador de celular em 2013, quando estavam juntos. O inquérito foi aberto pela delegada Sandra Maria Pinheiro Ornellas. “O caso da Swellen é bem mais grave; porque ela relata, inclusive, situação que caracteriza tentativa de feminicídio”, explicou.

Nego do Borel e Duda Reis

Na última semana, o caso da separação de Nego do Borel e Duda Reis tomou conta das redes sociais. Duda acusa o cantor de agressão e, entre as outras acusações realizadas, afirma que foi estuprada pelo cantor quando estava sedada.

O cantor se justificou nas redes sociais por meio de um vídeo publicado e afirmou que as acusações são infundadas. O boletim de ocorrência registrado por Duda Reis detalha os acontecimentos.

“Em agosto de 2018, em uma viagem a Portugal com o autor, por 20 dias, a vítima permaneceu dopada de medicamentos com o incentivo de uso de medicamentos pelo autor (dose indicada pelo médico – 2 miligramas de Aprazolan, porém fez uso de 8 miligramas por dia), que retornava dos shows e saídas noturnas e que o autor mantinha relações sexuais não consentidas pela vítima, que estava dopada e a mesma dizia para que o autor não mantivesse relação sexual”, diz o documento.

Mais Lidas