inusitado

Cientistas encontram caso raro de gêmeos com pais diferentes

A superfecundação heteroparental ocorre quando os óvulos da mãe são fecundados por homens diferentes

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 05/02/2021 às 11:04
NOTÍCIA
Arquivo/Agência Brasil
FOTO: Arquivo/Agência Brasil
Leitura:

Cientistas da Universidade Nacional da Colômbia relataram um caso raro de superfecundação heteroparental. O fenômeno ocorre quando dois óvulos de uma mesma mulher são fecundados por dois homens. Sendo assim, os gêmeos nascem tendo a mesma mãe mas com pais diferentes.

O caso dos gêmeos com pais diferentes ocorreu em 2018 e foi relatado recentemente na revista científica "Biomédica". O fenômeno é mais comum em animais, como cães, mas é raro em humanos.

A mãe das crianças descobriu o caso depois de fazer um teste de DNA com o pai biológico de uma das crianças. O exame apontou probabilidade máxima de paternidade para um, mas para o outro não.

Inicialmente, o laboratório pensou ter cometido um engano, mas depois o caso foi comprovado. O fenômeno é considerado raro porque são poucos os casos em que uma mulher libera dois óvulos em um mesmo ciclo menstrual. Quando isso ocorre, geralmente os óvulos são fecundados pelo mesmo homem e formam-se gêmeos bivitelinos.

Mais Lidas