menu

Operação integrada fiscaliza mais de 60 estabelecimentos em Limoeiro

Diversos estabelecimentos, entre bares, restaurantes e lanchonetes, não estavam cumprindo as medidas.

As equipes fiscalizaram estabelecimentos em Limoeiro.
As equipes fiscalizaram estabelecimentos em Limoeiro. (Divulgação)

Uma operação denominada Convivência foi deflagrada durante o fim de semana no município de Limoeiro, Agreste do Estado, para dar cumprimento aos decretos Estadual 50.308 e Municipal 09, publicados com novas medidas restritivas para conter o avanço da pandemia da Covid-19. A ação contou com o trabalho integrado da Vigilância Sanitária, Polícia Militar, Guarda Municipal, Bombeiro Militar, Defesa Civil e Secretaria Executiva de Trânsito e Segurança Cidadã.

De acordo com a coordenadora da Vigilância, Gyna Karine, diversos estabelecimentos, entre bares, restaurantes e lanchonetes, não estavam cumprindo as medidas e precisaram encerrar o atendimento com a chegada da fiscalização. O funcionamento das atividades econômicas consideradas não essenciais está proibido entre 20h e 5h (segunda a sexta) e entre 17h e 5h (sábados e domingos). O decreto tem validade até o próximo dia 10.

“Identificamos vários bares e restaurantes descumprindo os decretos. Vale salientar que esses estabelecimentos podem realizar, após os horários (estabelecidos nos decretos), a modalidade delivery, que é a entrega em domicílio”. Ela disse ainda que a ação de orientação e fiscalização permanecerá enquanto os decretos estiverem em vigor. “Pratiquem o isolamento social e usem máscara”, reforçou a coordenadora.

Por meio de um decreto municipal, estão proibidas atividades desportivas ou correlacionadas. Praças, igrejas, academias, escolas, casas de festas, piscinas e clubes de lazer em geral também não podem receber público no território limoeirense nos horários estabelecidos. Segundo o secretário executivo de Trânsito, Coronel Cleidson Canel, coordenador da operação, o trabalho também se estenderá às comunidades rurais.

Balanço

De acordo com dados da secretaria executiva de Trânsito e Segurança Cidadã, o balanço operação contabilizou 66 estabelecimentos fiscalizados, 320 pessoas orientadas e 46 veículos abordados. Segundo o secretário, não houve necessidade de condução para delegacia, consequentemente sem procedimentos lavrados. Paralelamente, viaturas da PM e GM dão apoio logístico às equipes.