Aglomeração

Polícia interrompe festa clandestina com 500 pessoas, bebidas e drogas

Organizador da balada clandestina irá responder por crime contra a saúde pública

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 13/03/2021 às 12:10
NOTÍCIA
Polícia Civil/Divulgação
FOTO: Polícia Civil/Divulgação
Leitura:

A Polícia Civil interrompeu uma festa com cerca de 500 pessoas na madrugada deste sábado (13) na Zona Sul de São Paulo. O capital paulista vivência o pico da pandemia de Covid-19, batendo recordes de casos e mortes pela doença. Para tentar diminuir a disseminação do coronavírus, festas e aglomerações estão proibidas em todo o estado de São Paulo.

Os policiais receberam uma denúncia anônima sobre a balada clandestina. No local, estavam muitos jovens, a maioria sem máscara. O equipamento de som e as bebidas foram apreendidos, foram encontradas ainda drogas e uma arma de fogo caseira.

O organizador da balada clandestina foi levado para a unidade do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC), para prestar depoimento. Ele irá responder por crime contra a saúde pública e por não respeitar as leis da Vigilância Sanitária. A casa será autuada, multada e, possivelmente, lacrada.

Mais Lidas