Crime

Laudo do IML comprova que ossada é de jovem sequestrado em Caruaru

Yuri Sobrinho, de 19 anos foi sequestrado no dia 15 de dezembro de 2020.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 18/03/2021 às 17:47
NOTÍCIA
Reprodução/Programa Sem Meias Palavras
FOTO: Reprodução/Programa Sem Meias Palavras
Leitura:

O lado do Instituto Médico Legal (IML), que saiu nesta quinta-feira (18), comprovou que a ossada humana encontrada em Caruaru, no Agreste de Pernambuco é do jovem Yuri Gomes Sobrinho, de 19 anos, sequestrado no dia 15 de dezembro do ano passado, no bairro Salgado. O corpo foi encontrado no dia 30 de janeiro, em estado avançado de decomposição no Sítio Serra Verde, na zona rural do município.

"Devolva o meu filho", apela mãe de jovem que foi sequestrado em Caruaru

O cadáver masculino foi encontrado com perfuração de arma de fogo na parte posterior da cabeça, em um local de vegetação fechada e de difícil acesso. Devido ao avançado estado de decomposição, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Recife. O resultado do laudo que saiu nesta quinta (18), comprova que o corpo é de Yuri.

Quando a polícia encontrou o corpo, alguns parentes de homens desaparecidos compareceram à delegacia para fazer o reconhecimento dos objetos encontrados junto da ossada, incluindo a mãe de Yuri, Sueli Gomes.

Relembre o caso

O crime registrado por câmeras de segurança da Rua Presidente Sarmiento, no Salgado, mostra dois rapazes sendo abordados por dois indivíduos, que estavam em um carro preto e afirmavam ser policiais. Um dos jovens conseguiu fugir e o outro, Yuri Gomes, foi levado pelos sequestradores.

Jovem é sequestrado à luz do dia no bairro do Salgado, em Caruaru

De acordo com a família, o jovem já teve passagem pela polícia por tráfico de drogas, mas não tem mais envolvimento com nenhuma ilegalidade.

Mais Lidas