benefício

Auxílio emergencial 2021: veja o passo a passo para consultar se você foi aprovado

Pagamentos começam a ser creditados na terça-feira (6).

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 02/04/2021 às 8:01
NOTÍCIA
Marcello Casal Jr./Agência Brasil
FOTO: Marcello Casal Jr./Agência Brasil
Leitura:

A partir desta sexta-feira (2), os trabalhadores já podem conferir se estão aptos para receber a nova rodada de pagamentos do auxílio emergencial. As parcelas começam a ser creditadas na próxima terça-feira (6), nas contas digitais do Caixa Tem

Pagamento do Auxílio Emergencial 2021 começa próxima terça (6); veja calendário

Veja como saber se você vai receber as novas parcelas do auxílio emergencial

É importante lembrar que nem todos que receberam o benefício no ano passado poderão receber este ano. Foi necessário que beneficiários atualizassem seus dados cadastrais no Caixa Tem e o Governo Federal definiu novos critérios para a aprovação dos beneficiários.

São considerados elegíveis os trabalhadores que tinham o direito ao auxílio em dezembro de 2021. A Dataprev analisou, dentre estes beneficiários, quem se enquadrava nas regras deste ano e, por isso, não foi necessário realizar uma nova inscrição.

Vale lembrar que o valor médio do auxílio emergencial 2021 é de R$ 250, mas pode variar de R$ 150 a R$ 375 a depender da composição familiar.

Como saber se fui aprovado?

É possível realizar a consulta para saber se foi aprovado na nova rodada do auxílio emergencial através de dois meios. O beneficiário pode acessar o site Consulta Auxílio, do Dataprev. Nesse site, basta digitar o nome completo, o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), nome da mãe e data de nascimento.

Também é possível verificar se foi aprovado por meio dos canais oficiais da Caixa, no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo telefone 111.

Os beneficiários do programa Bolsa Família e inscritos no Cadastro Único de Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) não precisam consultar, já que receberão as novas parcelas automaticamente se fizerem parte dos novos critérios.

Para quem recebe Bolsa Família, será pago o benefício que tiver maior valor.

Mais Lidas