internacional

Paciente com Covid-19 recebe transplante de pulmão do filho e marido

Este foi o primeiro transplante de tecido pulmonar de doadores vivos.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 09/04/2021 às 10:40
NOTÍCIA
Hospital Universitário de Quioto via AP
FOTO: Hospital Universitário de Quioto via AP
Leitura:

Médicos japoneses anunciaram o sucesso do primeiro transplante de tecido pulmonar realizado com doadores vivos que se tem registro em todo o mundo. O procedimento foi realizado em uma paciente com grave lesão pulmonar causada pela Covid-19.

De acordo com as informações divulgadas pelo Hospital Universitário de Quioto, o procedimento demorou quase 11 horas e foi realizado na última quarta-feira (7). A mulher recebeu o transplante de pulmão do marido e do seu filho, que doaram parte do pulmão esquerdo e parte do direito, respectivamente.

A universidade destacou que outras dezenas de transplantes de partes de pulmões já foram realizadas, mas retirando os órgãos de pacientes com morte cerebral, nos Estados Unidos, na Europa e na China. No Japão, transplantes de doadores com morte cerebral ainda são raros.

No entanto, doadores vivos são considerados uma opção mais realista para os pacientes. "Demonstramos que agora temos a opção. É um tratamento que dá esperança para os pacientes", disse o médico Hiroshi Date, cirurgião torácico do hospital que comandou a operação.

Paciente com pulmões "danificados"

De acordo com os médicos, a paciente que passou pelo transplante contraiu Covid-19 no final do ano passado e desenvolveu problemas respiratórios que pioraram de forma acelerada. Ela precisou ser colocada em uma máquina de suporte com uma espécie de pulmão artificial, mas a única opção para que ela continuasse viva era o transplante, de acordo com a universidade.

O esposo e o filho se ofereceram para doar o órgão para a mulher. A cirurgia foi realizada no Hospital Universitário de Quioto por uma equipe de 30 pessoas.

Mais Lidas