oportunidade

Programa de estágio oferece prêmio de R$ 11 mil e salário; saiba como se candidatar

Além da remuneração, os estagiários podem ganhar ainda um MacBook.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 14/04/2021 às 8:00
NOTÍCIA
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

A Japan Tobacco International, uma empresa japonesa, lançou o programa Make It Bright, para selecionar projetos de estudantes com idades entre 18 e 24 anos. A empresa é líder no segmento de tabaco e vaping, com operações em 130 países, incluindo o Brasil, que tem mais de mil colaboradores espalhados em 10 estados.

O programa de estágio oferece diversos benefícios para os aprovados. Além da remuneração durante o período contratado, os selecionados podem receber uma premiação de até US$ 2.000, equivalente a R$ 11 mil e um MacBook

Podem se candidatar às vagas jovens de todo o mundo. No entanto, as inscrições precisam ser feitas em duplas, seguindo os pré-requisitos: ter entre 18 e 24 anos; inglês avançado; estar motivado a inovar por meio da criação de projetos; possuir menos de dois anos de estágio ou trabalho com carteira assinada.

Os estagiários que tiverem seus projetos aprovados pela empresa na primeira etapa participarão de um treinamento e mentoria com líderes da Japan Tobacco International. Depois de passar pelo aperfeiçoamento, os projetos devem ser avaliados por um júri, que escolherá os vencedores brasileiros para disputarem a vaga na final global com todas as duplas aprovadas em todo o mundo.

Os interessados podem se inscrever até o dia 30 de março através do site da empresa.

Envio dos projetos

As duplas devem submeter os projetos até o dia 31 de maio. Este projeto precisa apresentar uma ideia de negócio que responda a um dos desafios propostos pela empresa:

- Livre para crescer: 2020 acelerou as novas formas de trabalho pelo mundo. Nesse cenário, como criar um employee experience que resolva os desafios do futuro do trabalho, como o equilíbrio entre vida e trabalho, a digitalização e o trabalho remoto.
- Livre para criar: como inovar e melhorar a experiência do consumidor de suas marcas e produtos.
- Livre para se expressar: a diversidade de pensamentos traz diversidade de respostas e, como resultado, melhores soluções. Como é possível revolucionar a abordagem sobre diversidade e inclusão de maneira duradoura e significativa?
- Livre para brilhar: temática livre no qual os estudantes podem identificar um desafio-chave para a empresa e o setor e propor uma solução.

Premiação

As três duplas que vencerem a etapa internacional serão premiadas. O primeiro lugar fica com remuneração de US$ 2.000 (R$ 11 mil) e com um MacBook Apple, para serem utilização em aprendizado e desenvolvimento. Segundo e terceiro lugares recebem remuneração de US$ 1.500 para serem utilizados em aprendizado e desenvolvimento e um Apple Watch ou iPad.

*Com informações do JC Online

Mais Lidas