Covid-19

Criança de 13 anos que pintava quadros para custear o próprio tratamento médico morre com Covid-19

O menino Daniel Neves passou mais de dez dias internado com a doença.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 20/05/2021 às 7:58
NOTÍCIA
Reprodução/Redes sociais
FOTO: Reprodução/Redes sociais
Leitura:

A história do menino Daniel Neves ficou conhecida em todo o país desde 2017. A criança, que foi diagnosticada com rins policísticos e fibrose hepática quando tinha oito meses de vida, pintava quadros para custear o tratamento médico. No entanto, a luta de Daniel pela própria vida se encerrou na tarde de terça-feira (18), em virtude da Covid-19.

Após contrair o vírus, o menino chegou a passar 13 dias internado tentando se recuperar da doença. A informação foi confirmada nas redes sociais de Daniel. A publicação informou que o menino, que morreu com 13 anos de idade, estava com a saúde frágil. Não há informações sobre o hospital em que ele estava internado e sobre seu enterro.

"Agora você deixará o céu mais colorido. Sentiremos sua falta todos os dias", diz o texto da publicação.

História de Daniel

A criança que morava em Guanambi precisou se mudar para Salvador, na Bahia, para tratar os rins policísticos e a fibrose hepática. Em dezembro de 2017, Daniel chegou a fazer uma exposição na capital baiana com os quadros que ele mesmo pintava para arrecadar fundos para cobrir os gastos de uma cirurgia de transplante de rins.

Mais Lidas