investigação

Pai de Patrícia Roberta divulga laudo com causa da morte da filha: "tem muita coisa a ser revelada"

A jovem de Caruaru foi morta em João Pessoa e a perícia concluiu o laudo nesta semana.

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 04/06/2021 às 8:14
NOTÍCIA
Reprodução / Arquivo Pessoal
FOTO: Reprodução / Arquivo Pessoal
Leitura:

Na última terça-feira (1º), a perícia divulgou o laudo com detalhes sobre a causa da morte de Patrícia Roberta, que morava em Caruaru, no Agreste, e foi morta em João Pessoa. O pai da jovem, Paulo Roberto, divulgou os detalhes do documento em entrevista à TV Jornal na manhã desta sexta-feira (4).

Laudo revela os detalhes sobre a causa da morte de Patrícia Roberta

Paulo explicou que o caso segue sendo investigado sob segredo de justiça, mas o documento entregue a ele pelo advogado aponta a causa da morte da filha. O texto diz que "a vítima sofreu processo de asfixia por constrição cervical". A asfixia por constrição cervical ocorre através da compressão da região do pescoço, provocando a interrupção do fluxo de oxigênio e levando a vítima inicialmente à inconsciência e depois à morte.

O pai da jovem explicou que, enquanto asfixiava Patrícia, Jonathan teria pressionado o pescoço dela com força a ponto de lesionar a coluna cervical. "Eu fico pensando, um cara de 1,91 metro de altura, em cima de uma menina franzina, o quanto ela desejou não ter ido nessa viagem", lamentou Paulo.

No dia em que a jovem foi encontrada morta, a perícia encontrou no apartamento do principal suspeito uma lista com nome de mulheres. Entre eles, estava o de Patrícia Roberta. O pai afirma que acredita que, com o andamento das investigações, deve ser elucidado se houveram outras vítimas. "A justiça vai ser feita. Não só por Patrícia, mas por todos os nomes que estão ali. Tem muita coisa a ser revelada", frisou Paulo.

Confira a entrevista completa:

Mais Lidas